Hoje em dia é muito fácil recolher informações sobre algo que pretendemos melhorar ou tratar em nós.

Mas, será que toda a informação obtida é clara e segura?
As técnicas pesquisadas são as indicadas para o nosso problema?
O que é bom para uns é bom para todos?

A informação facilitada a que todos temos acesso, resulta numa insegurança crescente aquando da decisão de avançar para um tratamento que pretenda fazer. Este tema tem o propósito de esclarecer o cliente na toma de decisões relativamente às suas necessidades. Baseadas numa experiência de 35 anos, as nossas respostas pretendem esclarecer as questões mais comuns, assentes em estudos científicos e em resultados.

Tema que tem causado grandes contradições, desde a veracidade do “definitivo”, a melhor tecnologia para cada caso, a eficácia e os resultados expectáveis, a segurança no tratamento, o protocolo e as energias utilizadas…

As suas dúvidas esclarecidas. Clínica Manuela Rebelo, especialista em Depilação Definitiva há 35 anos.
Laser Médico, Luz Pulsada e Elétrica (eletrólise). Todas válidas, todas eficazes.

Clique na questão em baixo para conhecer a resposta.

Na depilação definitiva o pêlo DESAPARECE PARA SEMPRE! Como? Através da eletrocoagulação ou do raio de luz, laser ou pulsada, com a energia, duração e precisão necessárias, laqueamos os micro capilares das células germinativas, inativando-as, ficando assim SEM PÊLOS PARA SEMPRE!
Não. As diversas técnicas existentes (elétrica ou eletrólise, laser ou luz pulsada) só atuam no pêlo, independentemente do sexo. No entanto, em caso de hormonas masculinas em excesso (homem ou mulher), poderá demorar mais algum tempo a concluir.
Somos uma Clínica especializada em depilação definitiva, entre outros serviços. NUNCA fazemos um tratamento de depilação definitiva, sem que a consulta se faça. 1º – os clientes devem ser informados e todas as suas dúvidas esclarecidas. 2º – há algumas restrições e precauções, que têm de ser conversadas. 3º – o teste de sensibilidade e inocuidade poderá ser necessário. 4º – o preço é personalizado, de acordo com a tecnologia a utilizar, quantidade, qualidade e área de pêlo a tratar. SIM, a consulta é fundamental!
Depilação elétrica (eletrocoagulação, eletrólise ou termólise), são métodos de depilação definitiva, com correntes elétricas. Através de um filamento (da espessura de um pêlo) inserido no folículo piloso, eletrocoagulam-se os micro capilares, inativando a célula germinativa do pêlo, com energia e precisão adequada, sem deixar marcas na pele. Indicada para poucos pêlos (dispersos, em qualquer área), pelugens muito claras, pêlos brancos ou ruivos e zona inferior das sobrancelhas.
É um método de depilação definitiva. O laser, seletivo e calibrado, é detentor de um raio de luz de comprimento longo, com energias, duração de impulsos e comprimentos de onda capazes de inativar a célula germinativa do pêlo. Indicado para qualquer fototipo (mesmo peles muito morenas e/ou negras – fototipo V e VI), muitos pêlos e áreas como o rosto, virilhas, axilas, pernas, braços, costas, tórax. etc.)
Luz pulsada (ou IPL) é mais um método de depilação definitiva. A ”leitura” mais importante da luz pulsada é a melanina (pigmentação). Existem vários aparelhos com maior ou menor capacidade de resolução, dependendo das energias, filtros, fragmentação das energias e duração de ”pulsos”. Para muitos pêlos, escuros ou claros, pelugens e grandes áreas (rosto, virilhas, axilas, pernas, braços, costas, tórax. etc.). Interdito a peles muito morenas e/ou negras.
Sim. Dependendo das energias, duração de impulsos e comprimentos de onda (Neo-Dímio Yag, Alexandrite, Díodo, Rubis, CO2, Érbio, etc.), têm maior ou menor capacidade de resolução. São indicados para diversas situações: depilação definitiva, tratamentos estéticos, dermatologia, ginecologia, oftalmologia, etc.
Sim. Assegure-se que a Clínica onde decidiu fazer o tratamento é especializada em depilação definitiva, idónea e muito experiente. A consulta de avaliação, diagnóstico e teste de sensibilidade (em caso de dúvidas) devem ser feitos. A técnica que executa as sessões deve ser credenciada e o ambiente de trabalho, de máxima higiene. Certifique-se de que todas as suas questões foram respondidas de um modo satisfatório e seguro, com garantia de resultados, e que as normas de segurança serão respeitadas.
Na depilação definitiva os pêlos desaparecem para SEMPRE, isso é certo! Para que tudo corra eficazmente é necessário que os equipamentos sejam os indicados para o tipo de pêlo e pele, que tenham a potência adequada para eliminar o pêlo sem danificar a pele e, que a profissional tenha formação exaustiva de todos os aparelhos e métodos que tem ao seu alcance para resolver o problema ao seu cliente.
Todo o nosso corpo está coberto por pêlos (exceto palmas das mãos e plantas dos pés) que podem estar ou visíveis ou adormecidos na célula. Em qualquer altura da nossa vida, por alterações hormonais, medicação ou saúde, podem “despertar” e tornarem-se visíveis… Mas nunca são os mesmos tratados pela depilação definitiva!
Sim. Pode sentir um ligeiro calor ou “estalido” com o laser ou a luz pulsada, efeito do próprio tratamento, praticamente anulado pelo “vento frio” do Multicryo (Clínica Manuela Rebelo). A depilação elétrica hoje em dia é perfeitamente tolerável, devido aos anestésicos locais que se podem colocar.
No rosto, o crescimento do pêlo é mais rápido sendo as sessões mensais. Por ser uma zona mais exposta o cliente é mais exigente querendo remover também a pelugem mais notória. No corpo, o crescimento é mais lento sendo as sessões bimensais. Não tem pêlos entre sessões! O intervalo das mesmas alarga-se à medida que o tratamento evolui.
Não. Há regras e cuidados a serem respeitados, sempre: cumprir o tempo para a exposição solar, proibido fazer solarium, não ter lesões na zona a tratar, não usar medicação fotossensibilizante, cosmética restrita (perfumes, óleos essenciais, álcool ácidos, ceras…). Estes, bem como outros conselhos, são dados numa Clínica conceituada e experiente, na 1ª consulta.
Medicação fotossensível, solarium, lesões da pele na zona, algumas doenças específicas e exposição solar imediata, estão contraindicadas. O sol e alguma cosmética são precauções a ter. Aconselhamos o tratamento num corpo são, numa pele sã, muito bem hidratada (bom hidratante), fina (bom esfoliante) e sempre com protetor solar (índice alto).
Deve ter cuidado com o sol (praia, montanha, neve, esplanadas, dia nublados, viagens de carro, exercício físico ao ar livre, etc.). Recomendamos especial atenção após a exposição solar. O bronzeamento ou o fototipo deve ser sempre analisado em cada sessão.
Os pêlos devem ser preparados a fim de uniformizarmos o crescimento dos mesmos (cortados ou até rapados, no caso de haver muito pêlo e grosso) para a 1ª sessão. Após a 1ª sessão, dependendo dos resultados, podemos ou não, ter necessidade de cortar.
Sabemos, para além da fisiologia do pêlo (ciclos de crescimento, fase anagénica, caraterísticas, etc.) e pela experiência clínica, que os pêlos podem ter comportamentos diferentes no mesmo cliente, dependendo da área a tratar. Conte com um mínimo de 5 a 8 sessões para laser ou luz pulsada (a depilação elétrica vamos gerindo), entre 1 a 2 anos. E o resto, é com cada organismo! Pode sempre optar por um CONTRATO ATÉ NÃO TER PÊLOS e não se preocupar mais com o assunto.
Os clientes asseguram que não! “FOI O MELHOR INVESTIMENTO DA MINHA VIDA”, comentam. E agora, passados quase 20 anos, confiam-nos as filhas e os filhos! Ficar sem pêlos incómodos ou inestéticos é o sonho de qualquer um. Mas não compare valores de uma VERDADEIRA depilação definitiva (para a vida!) a uma simples cera quinzenal. Não são comparáveis os custos destas tecnologias (equipamentos, terapeutas, formações, instalações, higiene, profissionalismo) aos custos do que, por vezes nem técnica é e o trabalho é feito em casa…
Esperar preços de depilação a cera é impossível. Mas, se é para a nossa, autoconfiança, bem-estar e qualidade de vida, seja por questões profissionais,
estéticas, saúde ou práticas desportivas, vale a pena o investimento! E encontraremos certamente a solução financeira que mais lhe convém.
Desde equipamentos “caseiros” a 300€, equipamentos “profissionais” desde 1.000€, pessoas sem formação, locais sem quaisquer condições de higiene, lâmpadas sem energia, sem óculos especiais de proteção, instalações não apropriadas (cabeleireiros, farmácias, supermercados, ao domicílio…) até equipamentos que podem custar 100.000€, com técnicos credenciados e energias corretamente parametrizadas, ao CONTRATO “ATÉ NÃO TER PÊLOS”, com 60 meses de garantia, escrito e assinado pela Clínica, está toda a diferença e confiança!
Há que reconhecer que nem todos os métodos são idóneos, nem todos os aparelhos são suficientemente eficazes, nem todas as profissionais são competentes, nem todas as energias estão bem parametrizadas… TUDO, resulta num valor justo.
Não, desde que as normas de segurança e precauções sejam cumpridas. O cliente tem de ajudar sendo responsável e seguir os conselhos e indicações dados pela profissional.
Para cada fototipo, densidade, cor e tipo de pêlo e área a tratar, existe uma tecnologia específica (laser ND YAG, luz pulsada/IPL ou elétrica/eletrólise). Na maioria das vezes, deve recorrer-se a todas as técnicas para complementar a remoção dos pêlos, definitivamente.
Sim, mas apenas com o Laser NeoDímio YAG, utilizando manípulos e energias adequadas. A luz pulsada está interdita, devido à quantidade de melanina existente na pele.
Pode, desde que em zonas sensíveis seja feito por profissionais muito experientes (orelhas e nariz, melhor o laser). Por a pele da pálpebra ser muito fina (cerca de 40% menos da espessura normal), a zona inferior das sobrancelhas só deve ser feita com elétrica (eletrólise), também definitiva.
Pode. No entanto recomendamos que se aconselhe com o seu obstetra. Seguimos o conselho do seu médico.
Se for um ou outro pêlo, ou muito claro, pode resolver-se com a depilação elétrica (eletrólise). Se for em todo o rosto, programamos 1sessão de luz pulsada e observamos os resultados. Poderá fazer apenas 3 sessões, diminuir a intensidade e passar para a elétrica.
Numa Clínica de confiança e experiente, na consulta inicial será feito o seu historial clínico. Ele será essencial para determinarmos a melhor técnica a utilizar no seu pêlo. E irá ter ótimos resultados!
Depilação definitiva, sem dúvida! O laser ND YAG ou a luz pulsada são os melhores métodos. Os pêlos desaparecem e as marcas também!
Se não houver qualquer inconveniente ou lesão por questões de saúde é possível fazer laser ou depilação elétrica (eletrólise).
Depilação definitiva a laser ou luz pulsada é a solução. Vai deixar de ter todos esses problemas!
A única que aconselhamos para acabar com todos esses inconvenientes: depilação definitiva com laser ou com luz pulsada. A solução eficaz!
Depilação definitiva a laser ou luz pulsada. Vai deixar de ter todos esses problemas! Também pode optar por fazer menos sessões e diminuir apenas a pilosidade, melhorando todas as queixas!
Pode optar por fazer algumas sessões a laser (mínimo 5 a 8 sessões, de acordo com a quantidade e espessura dos seus pêlos) a fim de diminuir consideravelmente o problema (menos pêlos, mais finos e mais fracos). Melhorará muito o incómodo.
Claro que sim. Fazendo apenas algumas sessões de laser ou de luz pulsada (mínimo 3 a 5 sessões), reduzirá a quantidade e espessura dos pêlos, até que a barba com que fica não o incomode.
Optar por uma eliminação ou diminuição/enfraquecimento dos pêlos nessa zona, cerca de 5 a 8 sessões com laser ou luz pulsada. Vai resolver-lhe todos esses problemas!