Stress e Dores Musculares

Stress e Dores Musculares 2017-09-11T17:45:09+00:00
none Stress e Dores Musculares Stress e Dores Musculares tratamentos corporais homem stress

Carregue as baterias, do corpo e da mente.

  • Benefícios:
    Relaxar diminui o stress e alivia as dores musculares. Tudo o que as suas “baterias” precisam para serem recarregadas, e transformarem o seu dia-a-dia em otimismo e vigor.
  • Resultados:
    Mais energia, menor tensão nos músculos, diminuição de contraturas, maior descontração, menos stress.
  • Causas:
    As responsabilidades profissionais e familiares, os horários apressados, o trânsito, as contrariedades, fazem do dia-a-dia um verdadeiro fabricante de stress.
    As tensões acumuladas ao longo do tempo fazem com que a fadiga se instale.

    Cansaço, impaciência, irritabilidade, insónias, são apenas alguns sintomas que o stress provoca, influenciando negativamente o seu quotidiano.

  • Tratamentos com protocolos exclusivos:
    Sempre que se sinta stressado ou com contraturas musculares agudas, Pare, Respire, Ligue-nos e Agende. O Programa Antisstress ajuda-o a ultrapassar a tensão. Relaxe. É importante para a sua saúde e bem-estar.
    As terapias sensoriais, manuais, mecânicas ou envolventes, são as mais eficazes no tratamento antisstress. Os cataplasmas quentes, aplicados localmente, tratam as dores musculares.
  • Conselhos:
    Evite situações stressantes. Planeie o seu dia. Organize os compromissos. Faça a lista das compras. Partilhe tarefas. Relaxe uns momentos. Medite. Recorde algo agradável. Sorria. Faça a checklist do dia seguinte. Despreocupe-se. E durma tranquilo.
  • Científico:
    A chamada “Gestão do Stress” assume hoje, em Saúde Pública, um relevo muito especial, sobretudo por estar relacionada com a prevenção de problemas que constituem as principais causas de doença, de incapacidades e de morte em Portugal: hipertensão arterial, acidentes vasculares cerebrais e doenças cardíacas.
    Ansiedade, impaciência, irritabilidade, instabilidade emocional, pressão devida ao excesso de trabalho ou de responsabilidades, estão também associados a fatores de stress.

    Em 1950, Hans Selye, professor da Universidade de Montreal (Canadá), publicou um tratado exclusivamente sobre STRESS (mais de mil páginas dedicadas ao estudo exaustivo do problema).